sexta-feira, 7 de novembro de 2014

Lagrimas não significam que você está perdendo. Aquele que se ama, se basta.

Aquele choro que vem da alma, que parece que pesa uma tonelada, talvez o choro mais dolorido, pode ser também o melhor calmante. Sou a pessoa mais fraca que conheço, por isso, nunca entrei em brigas, sempre soube que iria apanhar. Hoje em dia, acho isso uma dádiva que Deus me concedeu, imagina se tivesse força? Teria batido em muitas pessoas em momentos de raiva Haha.
Expectativa. Essa palavrinha transformada em sentimento faz um estrago grande, gigante! Se você tem expectativa em algo, você pode se frustrar, e isso, gera decepção. Mas só nos decepcionamos  com aqueles de quem gostamos, esperamos algo. E esse é o "X" da questão. Esperar algo. Afinal, se somos pessoas completas, porque esperar algo de alguem? Essa é a ação mais involuntária que conheço. Acontece o seguinte: conhece a pessoa, gosta dela, espera algo, esse "algo" é correspondido. ( ponto positivo) mas, quando esse "algo" não é correspondido. ( ponto negativo= frustração). Sou uma pessoa intensa, acho que devemos meter a cara a qualquer desafio que seja atrativo a nosso olhos. Mas essa intensidade pode ser reversa, e quando isso acontece dói, nossa, dói demais. Minha mãe sempre falou: ninguém morre de amor ou tristeza. Nunca vi ninguém morrer com aqueles cortinhos no dedo que as vezes até o papel faz. Bom, nem por isso deixa de doer pra caramba não?
Essa historia de "A dor precisa ser sentida" me desculpe John Green, mas é a maior roubada! Acho que a dor precisa ser pensada, para que ela não seja sentida novamente. Afinal, só sadomasoquistas gostam de sentir dor, e eles são a minoria! A dor é inevitável, vem quando você menos espera, bagunçando um pouco mais a sua vida. Mas ela também é lição, Ô se é! As vezes precisamos aprender através dela. Eu sei, a vida é cruel mesmo rs. Mas nunca podemos deixar que essa visita que se chama dor ficar hospedada por muito tempo, porque ela é espaçosa, vai tomando conta de tudo  até que não haja espaço para mais  nada. Apenas ela. Gosto de comparar a dor com uma professora chata de matemática. É insuportável as vezes, mas é necessário prestar atenção nela, aprender com ela. até que se torne tolerável, e não te incomode mais. Não há dor ou tristeza no mundo que não deixe espaço para a felicidade, nossa melhor hóspede, e é ela que temos que dar a prioridade máxima! Felicidade, palavrinha transformada em sentimento faz um bem danado, mas ela é delicada, quase egoísta, precisa ser apreciada sozinha, e se já está familiarizada com ela, assim, talvez, possa se compartilhar com alguem. Mas, nunca, nunca, doa-la a alguém. Ela tem que ser sua, Você sozinho ou não. Afinal, aquele que é feliz sozinho, conhece o verdadeiro significado da felicidade, pois ele mesmo a construiu.