sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Um pouco de sorte, por favor!

Tudo, e digo absolutamente tudo que vou fazer, algo da errado. Eu sei, eu sei, nem tudo são mares de rosas, MAS, cá entre nós, pra mim parece que situação tem prazer em complicar um pouco. Vocês já viram alguém levar um banho de coco de Pombo as 7h da manhã em um ponto de ônibus lotado? (quando digo banho, é banho mesmo!)  Grudar as mãos no congelador ou cair em um ônibus parado? Bem, isso é rotina pra mim sabe, coisa boba... Relacionamentos então? Nem vou comentar porque isso é demais pra vocês!
O lance é que não tenho sorte, ou não ando esbarrando com ela, tipo, desde que dona Shirley me colocou neste mundo cruel! Tenho uma tia que fala " Nós fazemos nossa sorte." Ah, sim tia, claro, adoro ser chifruda, cair em público e levar banho de bosta as 7h da manhã, realmente minhas atividades favoritas!
Agora mesmo, escrevendo este post, estou no ônibus errado, indo pra sei lá onde. Tudo isso por quê? Tenho sorte de ter amigas que saibam ler o letreiro! Valeu ai em gente!
Penso que não existe sorte, ou é Deus agindo ou você fez algo de errado e está simplesmente sofrendo as consequências de suas más escolhas.
Mas de onde vem aquele velho habito de desejar " Boa sorte" a alguém? Suspeito que seja sua máxima positividade em favor da pessoa. Buuuut, ladies e gentlemen o que adianta ser positivo se a realidade não condiz com 1/3 do seu positivismo? Temos que ser realistas! Procurar escolher bons caminhos, e eles sim, darão frutos positivos. A conclusão que tive desses últimos episódios de má sorte? 1. Fique SEMPRE na área coberta do ponto de ônibus, 2. Não coloque suas mãos em um congelador que está descongelando, 3. Sempre segure nas barras do ônibus, independente da velocidade! 4.Para de se apaixonar por cafajeste menina! Haha
Afinal, nossas escolhas são a nossa sorte!